Onde Registrar um Domínio no Brasil ?


Para registrar domínios no Brasil, o órgão competente é a FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), é um órgão que foi criado em 1960 com objetivo de auxiliar as pesquisas científicas e tecnológicas.

Antes de se proceder o registro de um domínio, é necessário que você faça algumas observações como:

Alocar um serviço de hospedagem para que você possa ter o número de "DNS (Domain Name System ou Sistema de Nomes de Domínios)", que significa, conversão de números "IP (Internet Protocol" ou Internet Protocolo) usados pelo servidor "Web" em linguagem alfabética;

Pelas atuais regras, para efetuar a aquisição de um domínio, é necessário ter dois servidores de "DNS", mas para aqueles que não possuam servidores será necessário que a empresa hospedeira os forneça, pois serão exigidos no decorrer da operação;


Para que você consiga o registro do domínio no Brasil, é necessário ser uma entidade legalmente constituída como pessoa jurídica onde poderá usar ".com.br", profissionais liberais, ou como pessoa física, utilizando ".nom.br", para os dois últimos, será necessária a apresentação do número do CPF;

No caso de empresa jurídica poderá ser efetuado até 10 nomes de domínio com um único CGC, no entanto, os profissionais liberais só poderão registrar um único "domínio" em uma das categorias disponíveis, assim como as pessoas físicas;

Os profissionais liberais tem uma vantagem, poderão constituir domínios como pessoa física ".nom.br", caso tenham vontade;

Quem desejar ter um "domínio" ".nom.br", deverá escolher a seguinte nomenclatura: "NOME1.NOME2.NOM.BR", ou seja, por exemplo, antonio.joaquim.nom.br;

Na hora de confeccionar um registro, você não deverá utilizar o "www" como parte integrante do seu domínio, pois o correto é o nome escolhido por você;

Há reservas de domínios solicitados pelo "Comitê Gestor a FAPESP", relacionados aos nomes de empresas ou grandes marcas. Esta reserva é baseada numa listagem do INPI - "Instituto Nacional de Propriedade Industrial", e é usada de forma a evitar conflitos entre empresas e usuários, pois esta é uma prática constante nos Estados Unidos;

Outra restrição é a proibição da criação de domínios "genéricos" ou que possuam significado, como por exemplo www.org.com.br, www.gov.com.br, entre outros;

Antes de começar um registro, é necessário ser cadastrado pelo sistema FAPESP, cujo endereço é registro.fapesp.br/cgi-bin/nicbr/idmng, ao preencher este formulário, você irá escolher um número e uma senha, deve-se guardá-los com cuidado, pois serão exigidos para a efetivação do registro;

Verifique em qual modalidade você está inserido (físico e jurídico);

Para validar um domínio, é necessário seguir algumas regras sintáticas, como:

O nome a ser utilizado deve ter no mínimo 2 e no máximo 26 caracteres, isto, não incluindo a categoria relacionada a ele; 

Os caracteres aceitos vão do A ao Z e do 0 ao 9, e também o hífen;

Não é utilizada nenhum tipo de acentuação;

Não deve ser um nome confeccionado somente com números;

O hífen é utilizado apenas como um separador sintático, sendo que o detentor do domínio com a utilização dele, terá o direito de ter o mesmo nome sem ele;

Verifique na tabela de documentos necessários (pessoa Fisica e Jurídica), e os tenha à mão, após este procedimento, selecione a opção "Registrar Domínio" utilizando o "link" registro.fapesp.br/cg-bin/nicbr/stini;

Deve-se ter o cuidado de preencher os 4 tipos de contato:

Contato Administrativo - altera as informações de servidores DNS, devendo ser mantido pela própria empresa;

Contato Técnico - pode alterar o servidor DNS, podendo ser efetuado pela empresa ou pelo provedor;

Contato de Entidade - é o responsável pela manutenção e atualização dos dados da empresa, este contato tem que ser a empresa em si;

Contato de Cobrança - é o contato pelo qual você receberá as cobranças e notificações que dizem respeito ao seu domínio;

Outro dado importante é quanto ao valor, que é dividido em dois. O primeiro valor é pago no ato do registro, e o outro é para a manutenção que deve ser pago anualmente. Hoje os valores para esse processo é de 75,00 (setenta e cinco reais);

No caso de você não efetuar o pagamento na época adequada, não terá nenhuma implicação judicial, o que será feito é que o seu "domínio" será suspenso por um período determinado, e logo após, será colocado a disposição de qualquer pessoa para efetivação, ou seja, o dano maior será a perda do registro.

www.3dwebstudio.com.br